Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
Sondagem
Qual a sua área de modelismo preferida?
Militar aéreo
Militar terrestre
Militar naval
Civil aéreo
Civil terrestre
Civil naval
Ficção
Outro
Ver Resultados

Rating: 4.1/5 (3172 votos)

ONLINE
1




Partilhe esta Página



 

PARCERIA


Os administradores deste site aceitam propostas de parceria para análise.

 


AJUDE A MANTER ESTE PROJETO

Donativos


click here


Total de visitas: 402513
P&H - Hawker Tempest
P&H - Hawker Tempest

 

 

Hawker Tempest

 
- Avião Caça-bombardeiro - Reino Unido (1944) -

Resumo Histórico Especificações Versões & Variantes Principais Utilizadores Historial Galeria Videos Profiles Fontes
Descrição Gerais
                   

  Hawker Tempest  

Link original: RAF, Public domain, via Wikimedia Commons

Kit_Hawker_Tempest_01_Mini  

RESUMO HISTÓRICO


O Hawker Tempest foi o desenvolvimento máximo do projeto que em 1940 deu origem ao Hawker Typhoon. Este aparelho surgiu de uma especificação publicada em 1937 pelo Ministério do Ar britânico que pedia um novo caça para ser equipado com os recentes e inovadores motores de 2.000 cv que estavam na altura a ser desenvolvidos. O Rolls-Royce Vulture e o Napier Sabre.

O projeto do Hawker Typhoon foi entregue ao criador do Hawker Hurricane, o engenheiro-chefe Sydney Camm. O primeiro de quatro protótipos voou em 03 de outubro de 1939. Mas os testes de voo não foram nada positivos devidos aos constantes problemas com os novos motores, sobretudo com o Vulture, e graves defeitos estruturais, sobretudo a nível da união da secção da cauda. Assim as fases de desenvolvimento tiveram que ser bastante alargadas e só em 1942 é que os problemas ficaram completamente resolvidos.

Contudo o Hawker Typhoon não se mostrou um aparelho brilhante como caça intercetor para cuja missão tinha sido projetado, mas em contrapartida mostrou excelentes qualidades como caça de ataque ao solo e apoio tático. Foram fabricados ao todo 3.300 aparelhos que serviram com qualidade até ao final do conflito mundial, sobretudo sobre a Normandia.

Mas os projetistas da Hawker queriam mais e melhor e continuavam com vontade de criar um caça puro. Assim a par do desenvolvimento do Hawker Typhoon, começaram a ser realizados estudos para o desenvolvimento de um novo aparelho, com alterações estruturais sobretudo a nível das asas e colocação dos depósitos de combustível. Foram igualmente testados 3 diferentes tipos de motores a fim de serem ponderadas várias possibilidades de desenvolvimento do novo aparelho, o que deu origem a várias versões. O novo aparelho assim criado foi inicialmente chamado de Typhon MK II, mas na realidade estava-se na presença de um novo avião e passou a chamar-se Tempest.

O Hawker Tempest era um caça monomotor de asa baixa capaz de alcançar elevadas velocidades, tanto a média como a baixa altitude, tendo por isso sido utilizado contra as bombas voadoras V-1 e mesmo contra o Messerschmitt Me 262, equipado com um motor a reação.

 

  Hawker Tempest  

Esquema B&W: MLWatts, CC0, via Wikimedia Commons


ESPECIFICAÇÕES


DESCRIÇÃO

País de origem Fabricante
Reino Unido Hawker Aircraft Limited
Tipologia de missão / Função
Avião de caça-bombardeiro
Projeto antecedente Desenvolvido em
Hawker Typhoon Hawker Sea Fury
voo Introduzido
2 de setembro de 1942 Janeiro de 1944
Período de produção Aposentado
   
Design Quantidade produzida
  Sydney Camm 1 702 aparelhos
Custo unitário Variantes
   
Período histórico
2ª Guerra Mundial

CARACTERÍSTICAS GERAIS - Tempest V

Comprimento Envergadura Altura Superfície alar
10,26 m (33,7 ft) 12,50 m (41,0 ft)   4,52 m (14,8 ft) 28,1 m² (302 ft²)
Peso vazio Peso carregado Peso máximo à descolagem Teto máximo
 Kg 5 171 kg (11 400 lb)  Kg 11 100 m (36 400 ft)
Velocidade Máxima (Vno) Velocidade de cruzeiro Autonomia bélica Autonomia (MTOW)
630 km/h (340 kn)  Km/h 676 km (420 mi)  Km
Regime de subida Carga alar Potência/Peso Alongamento
24 m/s  Kg/m2  kW/Kg 5.6
Tripulação
1
Motorização
  1 motor a pistão Napier Sabre IIB H-24 refrigerado a liquido com uma potência de 2 010 cv (1 500 kW) 
Hélices
 
Armamento / Carga bélica
Metralhadoras / Canhões
4 canhões Hispano-Suiza Mark II de 20 mm (0,787 in). Últimos modelos usando o Hispano-Suiza Mark V
Foguetes / Misseis / Bombas
8 foguetes RP-3 de 76,20 mm (3,00 in) (no pós-Segunda Guerra)
2 bombas de 230 kg (507 lb) ou 2 bombas de 450 kg (992 lb)

VARIANTES E VERSÕES


Hawker Tempest MK-II
- Avião Caça monolugar - 

O primeiro voo realizou-se em 2 de setembro de 1942 e em junho de 1943 começaram a ser entregues os primeiros dos 805 aparelhos de série construídos.

O Hawker Tempest revelou-se um excelente avião, tanto na versão de interceção e combate aéreo como no ataque ao solo, sendo de um modo geral mais rápido que os restantes aviões da época, tanto rivais como aliados.

O Hawker Tempest MK – II era motorizado pelo Bristol Centauros enquanto que na versão MK – V, o motor que o equipava era o Napier Sabre, estes diferentes motores levaram à criação de aparelhos esteticamente muito diferentes.

 
Hawker Tempest MK-V
- Avião Caça monolugar -

O Hawker Tempest MK – II era motorizado pelo Bristol Centauros enquanto que na versão MK – V, o motor que o equipava era o Napier Sabre, estes diferentes motores levaram à criação de aparelhos esteticamente muito diferentes.

Foi precisamente a velocidade que imortalizou este fantástico aparelho, quando na fase final da 2ª Guerra Mundial foi escolhido para intercetar e abater as bombas voadoras alemãs lançadas sobre a Grã-Bretanha. Estava-se então na versão MK – V e a ele são atribuídos 683 abates (cerca de um terço) das 1.771 bombas V-1 destruídas até 5 de setembro de 1944 pela defesa aérea. Foi igualmente o Hawker Tempest, o principal aparelho aliado a dar caça ao novíssimo caça alemão a reação, o Messerchmitt Me 262 Schwalbe.

Hawker Tempest MK-VI
- Avião Caça monolugar -

Mas mais uma variante haveria de aparecer, o MK – VI e este seria o ultimo caça a pistão a operar na RAF.

Vários refinamentos foram realizados e a célula foi melhorada ao máximo. Foi equipado com o motor Sabre mais potente de sempre, o Napier Sabre V com 2.340 hp (1.700 quilowatts), no entanto este motor necessitava de um enorme radiador e o desenho base do avião teve que ser modificado para este se poder instalar.

A maioria destes aparelhos foram preparados com filtros de ar para serem operados nos trópicos e centenas de aviões foram encomendados. No entanto a guerra estava no fim e só 142 foram construídos.

Muito se tem especulado sobre se os últimos Hawker Tempest MK-VI foram ou não utilizados com rebocadores de alvos (Versões TT), mas até ao momento ainda não se conseguiu realmente comprovar tal facto.

 

PRINCIPAIS UTILIZADORES


País:  Resumo

HISTORIAL


Texto

Aviões de comparável missão, configuração e época

       
       

GALERIA


   

VIDEOS


   

PROFILES


Tempest Mk.V Series 1
 
JN765, No. 3 Squadron, Newchurch, Reino Unido, junho de 1944   JN751, W / Cdr Roland P. Beamont DSO, DFC & bar, CO of No. 150 Wing, Newchurch, Reino Unido, junho de 1944
     

INFORMAÇÃO ADICIONAL / FONTES 


 Sites e Blogs
Wikipedia-Pt Wikipedia-Eng  
     
 Bibliografia
Aviões de guerra Aviões-TPM
 Aviões de Guerra Aviões - Tecnologia de ponta e mobilidade Airfix Model World - Issue 21 - 08/2012

  


 Última atualização da página: 15/08/2021