SITE DEDICADO AO MUNDO DO MODELISMO ESTÁTICO & MILITARIA

Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
Sondagem
Qual a sua área de modelismo preferida?
Militar aéreo
Militar terrestre
Militar naval
Civil aéreo
Civil terrestre
Civil naval
Ficção
Outro
Ver Resultados

Rating: 4.1/5 (3716 votos)

ONLINE
2




Partilhe esta Página



 

 

PARCERIA


Os administradores deste site aceitam propostas de parceria para análise.

 


AJUDE A MANTER ESTE PROJETO

Donativos

 




Total de visitas: 486503
P&H - WESTLAND LYSANDER
P&H - WESTLAND LYSANDER

 

Westland Lysander

 
- Avião de cooperação com o exército - Reino Unido (1938) -

Resumo Histórico Especificações Versões & Variantes Principais Utilizadores Historial Galeria Videos Profiles Fontes
Descrição Gerais
                   

   

Link original: Muckypup1807, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

  Westland_Lysander_01_Mini  

 


RESUMO HISTÓRICO


O Westland Lysander foi um avião de cooperação e ligação do Exército britânico produzido pela Westland Aircraft e desenvolvido antes da 2ª Guerra Mundial.

Na realidade era um avião obsoleto para a época, mas o desempenho excecional para uso em pequenas pistas não preparadas e improvisadas tornou-o imprescindível para a realização de missões clandestinas atrás das linhas inimigas na colocação e recuperação de agentes, particularmente na França ocupada com a ajuda da Resistência Francesa.

Tradicionalmente os aviões da RAF de cooperação com o Exército possuem designações de homenagem a líderes militares míticos ou históricos; neste caso, o almirante espartano Lysander foi o escolhido para dar o nome a este aparelho da Westland.

 

Westland Lysander

Esquema B&W: Emoscopes 23:36, 28 April 2008 (UTC), CC BY 3.0, via Wikimedia Commons


ESPECIFICAÇÕES


DESCRIÇÃO

País de origem Fabricante
Reino Unido Westland Aircraft
Tipologia de missão / Função
Avião de ligação e cooperação
Projeto antecedente Desenvolvido em
   
voo Introduzido
15 de junho de 1936 Junho 1938
Período de produção Aposentado
  1946 (Reino Unido)
Design Quantidade produzida
Arthur Davenport, Teddy Petter 1 786 aparelhos
Custo unitário  
   
Período histórico
2ª Guerra Mundial

CARACTERÍSTICAS GERAIS - Mk III

Tripulação Comprimento Envergadura Altura
1 + 1 9.29 m 15.24 m 4.42 m
Superfície alar Peso vazio Peso máximo à descolagem Teto máximo
24.2 m2 1 984 Kg 2 877 Kg 6 550 m
Velocidade Máxima (Vno) Velocidade de cruzeiro Autonomia bélica Autonomia (MTOW)
341 Km/h  Km/h  Km 966 Km
Regime de subida Carga alar Potência/Peso Alongamento
 m/s Kg/m2 W/Kg  
Motorização
1 motor radial Bristol Mercury XX com 870 cv (649 kW)
Hélices
 
Armamento / Carga bélica
Metralhadoras / Canhões
2 metralhadoras de .303 pol. (7,7 mm) Browning instaladas nas carenagens das rodas
2 metralhadoras de .303 pol. (7,7 mm) Browning para o observador
Bombas
4 bombas de 9 kg sob a fuselagem traseira

VARIANTES E VERSÕES


Designação do aparelho (Variante/Versão)
- Tipo de Avião - 
Texto
 

PRINCIPAIS UTILIZADORES


País:   Reino Unido; Índia; Canadá; Egipto e Portugal

HISTORIAL


O Westland Lysander foi um avião de cooperação com o exército produzido pela Westland Aircraft. Começou a ser utilizado em 1938 mas operou durante toda a segunda guerra mundial. A sua principal missão no início do conflito era a de observação para a artilharia e o reconhecimento. Era apelidado de “Lizzie”.

Era um avião de asa alta em forma de gaivota, tinha trem de aterragem fixo e estava equipado com um motor radial Mercury Bristol. A tripulação era constituída por um piloto e por um observador.

No início da 2ª Guerra Mundial equipava 7 esquadrões da R.A.F. Mas quando começou o conflito na Europa, a maioria das versões Mk-I já tinha, em grande parte, sido substituída pelo Mk-II. Quando a Força Expedicionária britânica partiu para França, quatro dos seus esquadrões estavam equipados com o Lysander.

Apesar de algumas vitórias ocasionais contra a Luftwaffe, o Lysander era um alvo muito fácil tanto para a aviação alemã, como para o exército em terra, sobretudo por causa da sua pequena velocidade. Quase metade dos Lysanders a operar em França foram perdidos durante essa campanha.

Em junho de 1940, durante a evacuação de Dunquerque, estes aviões foram os responsáveis por largarem abastecimentos sobre as tropas aliadas em fuga e por ataques às linhas alemãs.

Durante o desenrolar do conflito, o Westland Lysander foi utilizado em diversas missões, desde o salvamento aeronaval até ao reboque de alvos.

Depois de se tornar obsoleto no papel de cooperação do exército, o excecional comportamento do avião em aterragem em pistas de aviação pequenas ou mal preparadas, o excelente campo de visão, a fácil manobra a baixa velocidade e o desempenho de STOL levou a que fosse utilizado em missões clandestinas especiais atrás das linhas inimigas, utilizando pistas de aterragem improvisadas. A maioria destas missões consistia no transporte ou recuperação de agentes secretos ou pilotos abatidos um pouco por toda a Europa ocupada, mas sobretudo sobre território francês. A principal versão utilizada nestas missões era o Lysander IIICSW, caracterizado por um depósito auxiliar externo para auxilio nas missões de longo alcance e por uma escada para acesso mais rápido ao cockpit.

O Westland Lysander foi utilizado pela Finlândia (Mk I: 4 aparelhos, Mk III: 9 aparelhos), pela Irlanda (Mk II: 6 aparelhos), pela Turquia (Mk II: 36 aparelhos), por Portugal (Mk IIIA: 8 aparelhos), pelos Estados Unidos da América (25 aparelhos), pela Índia (22 aparelhos) e pelo Egito (20 aparelhos) que utilizou o Lysander contra Israel na Guerra de Independência em 1948.

 

Aviões de comparável missão, configuração e época

       
       

GALERIA


   

VIDEOS


   

PROFILES


   

INFORMAÇÃO ADICIONAL / FONTES


  


 

 

 

 



 


Mk III
- Avião de cooperação com o exército - 

 

Alçado Lateral 700px
Alçado Superior Alçado Frontal Alçado Inferior 

 

Tripulação Comprimento Envergadura Altura Superfície alar
1 + 1 9.29 m 15.24 m 4.42 m 24.2 m2
Peso vazio
Peso máximo à descolagem
Velocidade máxima Autonomia Altitude operacional
1 984 kg  2 877 kg 341 km/h 966 km  6 550 m 
Motorização
1 motor radial Bristol Mercury XX com 870 cv (649 kW)
Armamento
2 metralhadoras de .303 pol. (7,7 mm) Browning instaladas nas carenagens das rodas
2 metralhadoras de .303 pol. (7,7 mm) Browning para o observador
4 bombas de 9 kg sob a fuselagem traseira

RESUMO DA VARIANTE/VERSÃO


Texto justificado

 


PROFILES


   
   

 


INFORMAÇÃO ADICIONAL


 Sites e Blogs
Wikipedia-Pt Wikipedia.Eng
   
 Bibliografia
 Aviões de guerra  
 Aviões de Guerra  

  


 Última atualização da página: 18/04/2021