SITE DEDICADO AO MUNDO DO MODELISMO ESTÁTICO & MILITARIA

Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
Sondagem
Qual a sua área de modelismo preferida?
Militar aéreo
Militar terrestre
Militar naval
Civil aéreo
Civil terrestre
Civil naval
Ficção
Outro
Ver Resultados

Rating: 4.1/5 (3716 votos)

ONLINE
1




Partilhe esta Página



 

 

PARCERIA


Os administradores deste site aceitam propostas de parceria para análise.

 


AJUDE A MANTER ESTE PROJETO

Donativos

 




Total de visitas: 486530
P&H - Aero A.300
P&H - Aero A.300

Aero A.300

- Avião bombardeiro - Checoslováquia (1938) -

Resumo Histórico Especificações Versões & Variantes Principais Utilizadores Historial Galeria Videos Profiles Fontes
Descrição Gerais
                   

  Aero A.300  

Foto: Aero A-300 (1938)

     

RESUMO HISTÓRICO


O Aero A.300 foi um avião bombardeiro médio checoslovaco que, apesar de se mostrar muito promissor, teve um desenvolvimento muito lento e interrompido com o desencadear da 2ª Grande Guerra.

Concebido para substituir os obsoletos bombardeiros Bloch MB.200 da Força Aérea Checoslovaca, o seu desenvolvimento remonta a maio de 1936, quando a fábrica Aero concluiu um projecto para uma conversão do bem-sucedido avião civil A-204 num avião para missões militares. Esse aparelho designou-se de A-304.

No entanto, o que as autoridades militares checoslovacas pretendiam era um avião bombardeiro puro, pelo que foram solicitas algumas alterações que resultaram no projeto designado A.300 que foi apresentado em 10 de julho de 1936 aos militares. Apesar do que a sua numeração podia sugerir, o A.300 era uma versão melhorada e refinada do Aero A.304 que esteve na base do seu desenvolvimento.

O pedido nº 3.625 / V para um protótipo foi recebido pela Aero em 3 de agosto de 1937, juntamente com as especificações técnicas. Esse aparelho foi equipado com motores em estrela Bristol Mercury, mas posteriormente pretendia-se que fossem equipados com motores Walter Mercury IX, produzidos sob licença na Checoslováquia já que a especificação técnica exigia que fossem sobretudo utilizados materiais nacionais.

O Aero A.300 voou pela primeira vez a 20 de abril de 1938 e era um monoplano de concepção convencional com trem de aterragem retátil e uma tripulação constituída por três ou quatro elementos. Estava equipado com três metralhadoras defensivas VZ.30 de 7,92mm. Uma no nariz, outra debaixo da fuselagem e uma terceira sob a fuselagem numa torre retráctil atrás da cabine de pilotagem. Quando recolhida, apenas uma pequena protuberância em forma de gota sobressaía do contorno da fuselagem, permitindo ao artilheiro observar o céu.

Apenas um protótipo foi construído nas instalações da Aero, em Praga e, após ter sido testado, provou ser o segundo avião checoslovaco mais rápido jamais construído, apenas ultrapassado pelo caça Avia B.35. Ainda se iniciou a construção de mais dois protótipos, tendo sido planeada a construção de mais quinze de série, mas isso nunca chegou a acontecer pois apesar de A.300 ser bastante promissor, os acordos de Munique e a subsequente crise nacional checoslovaca paralizaram o desenvolvimento e fabrico do projecto.

Aquando da invasão da Checoslováquia pelo exército alemão, o Aero A.300 foi capturado e encaminhado para a Alemanha a fim de que a Luftwaffe realizasse testes. Após estes, destruíram-no.

 

  Aero A.300  

Esquema B&W: Aero A.300 - 3 vistas


ESPECIFICAÇÕES


DESCRIÇÃO

País de origem Fabricante
Checoslováquia Aero Vodochody
Tipologia de missão / Função
Avião bombardeiro / Reconhecimento
Projeto antecedente Desenvolvido em
Aero A.304  
voo Introduzido
20 de abril de 1938 1938
Período de produção Aposentado
   
Design Quantidade produzida
  1 aparelho
Custo unitário Variantes
  Sem variantes
Período histórico
2ª Guerra Mundial

CARACTERÍSTICAS GERAIS

Comprimento Envergadura Altura Superfície alar
13.50 m (44,3 ft) 19.20 m (63,00 ft) 3.40 m (11,2 ft) 45.40 m² (489 ft²)
Peso vazio Peso carregado Peso máximo à descolagem Teto máximo
3 955 kg (8 719 lb) 4 347 kg (9 583 lb) 6 040 kg (13 316 lb) 9 400 m (30,800 ft)
Velocidade Máxima (Vno) Velocidade de cruzeiro Autonomia bélica Autonomia (MTOW)
456 km/h (283 mph, 246 kn) 430 Km/h  Km 2 200 km (1 400 mi, 1 200 nm)
Regime de subida Carga alar Potência/Peso Alongamento
 m/s Kg/m2 W/Kg  
Tripulação
3 ou 4
Motorização
2 motores radiais refrigerados a ar Bristol Mercury IX 9-cil. com uma potência por motor de 820 cv/hp (610 kW)
Hélices
 
Armamento / Carga bélica
Metralhadoras / Canhões
1 metralhadora de tiro frontal fixo de 7,92 mm vz.30 (Česká zbrojovka Strakonice)
1 metralhadora de 7,92 mm vz.30 metralhadora na torre dorsal
1 metralhadora de 7,92 mm vz.30 metralhadora na posição ventral de disparo para trás
Foguetes / Misseis / Bombas
Até 1 000 kg (2.200 lb) de bombas

VARIANTES E VERSÕES


Aero A.300
- Avião bombardeiro - 
Não foram fabricadas nenhuma variante ou versão deste avião tendo sido fabricado e testado1 único protótipo
 

PRINCIPAIS UTILIZADORES


Checoslováquia

HISTORIAL


Texto

Aviões de comparável missão, configuração e época

       
       

GALERIA


 
(3) - Aero A.300, protótipo (1938)   (4) - Aero A.300 fotografia interior L'Aerophile, Fevereiro 1939

VIDEOS


     

PROFILES


  Profile_Aero A.300  

INFORMAÇÃO ADICIONAL / FONTES


Sites e Blogs
Wikipedia-Eng  
   
Bibliografia - Livros
   
   
Bibliografia - Livros
   
   
Créditos Fotográficos e outros
(1) - neznámý (unknown), Public domain, via Wikimedia Commons 
(2) - MMK-DrawCC BY-SA 4.0, através da wiki Wikimedia Commons
(3) - neznámý (unknown), Public domain, através da wiki Wikimedia Commons
(4) -  L'Aerophile magazine, CC BY 4.0, através da wiki Wikimedia Commons

  


 Última atualização da página: 18/03/2022